Tempo seco: Paranaíba e outros 12 municípios de MS estão há 30 dias consecutivos sem chuva

Tempo seco: Paranaíba e outros 12 municípios de MS estão há 30 dias consecutivos sem chuva

Coxim, Três Lagoas, Bataguassu, Bela Vista, Ponta Porã, Água Clara, Pedro Gomes, São Gabriel, Rio Brilhante, Ivinhema, Paranaíba, Sonora e Santa Rita do Pardo estão há 30 dias consecutivos sem chuva, de acordo com o meteorologista Natálio Abrahão.

Não chove desde 13 de julho de 2022 na Capital, portanto, Campo Grande está há 20 dias consecutivos sem chuva, segundo a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Helena Balbino.

A média de chuvas foi de 3 milímetros em Mato Grosso do Sul, de acordo com Abrahão. Dos 79 municípios, Corumbá (13,6 mm) registrou o maior volume de chuvas.

Uma massa de ar quente e seca está sob o Estado, provocando altas temperaturas, ausência de chuvas, sol, céu limpo, tempo firme e umidade do ar baixíssima.

Os recordes de baixa umidade deste fim de semana ocorreram nos municípios do norte de Mato Grosso do Sul (19%) e nordeste (25%), segundo a meteorologista Helena Balbino.

Conforme noticiado pelo Correio do Estado, Coxim, município localizado a 253 quilômetros de Campo Grande, registrou recorde nacional de baixa umidade do ar (15%) no mês de julho de 2022.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta amarelo e laranja de baixa umidade, que pode variar de 12% a 30% em todos os 79 municípios de Mato Grosso do Sul.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a umidade indicada é de no mínimo 60%.

Umidade relativa do ar é a quantidade de água em forma de vapor dispersa pelo ar. O instrumento utilizado para medir a umidade é o higrômetro.

O clima seco é típico da estação de inverno, que teve início em 21 de junho e terminará em 22 de setembro de 2022.

O tempo seco favorece o surgimento de doenças respiratórias como rinite, sinusite, gripe e inflamação na garganta, de acordo com o enfermeiro e doutor em Infectologia, Everton Lemos.

Os sintomas das doenças citadas são muito parecidos com os da Covid-19, portanto, a população deve ficar alerta.

Previsão do tempo para a semana

A previsão para esta semana é de calor, sol, céu limpo e tempo seco em Mato Grosso do Sul, de acordo com Abrahão.

Não há previsão de chuva e a umidade relativa do ar permanecerá baixa, entre 15% e 60%.

Uma frente fria fraca deve atingir o Estado a partir desta sexta-feira (5) e provocar leve queda nas temperaturas. As temperaturas devem cair de 30ºC para 25ºC.

“Não há previsão de chuvas decorrer da semana, mas sexta-feira, nova frente fria chegando ao sul do estado, com nuvens, pouca a nenhuma chuva e sem queda acentuada na temperatura”, afirmou Abrahão.

Recomendações

Segundo orientações do Ministério da Saúde, em caso de tempo seco o cidadão deve:

Beber dois litros de água por dia

Evitar atividades físicas das 9h às 17h

Umidificar o ambiente com toalha molhada ou balde de água

Evitar exposição solar

Hidratar a pele

Evitar ambientes fechados

Evitar uso de fogo

Fonte: Correio do Estado

Da redacao

Da redacao

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: