Suspeito de homicídio em Rio Preto após final da Copa do Brasil é preso em Paranaíba

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizaram uma prisão impactante na tarde de terça-feira (26) em Paranaíba. Um homem, suspeito de um homicídio ocorrido no último domingo em São José do Rio Preto, logo após a final da Copa do Brasil entre São Paulo e Flamengo, foi detido em uma operação na BR-158.

Os policiais rodoviários federais estavam conduzindo uma fiscalização de rotina quando decidiram abordar um veículo de aplicativo de carona. Durante a checagem dos documentos do condutor e dos passageiros, um dos passageiros decidiu tomar medidas drásticas e fugir a pé.

O indivíduo correu em direção a uma área de vegetação próxima à pista, desencadeando uma perseguição. Com o intuito de reforçar a busca, foi solicitado o apoio da Polícia Militar de Paranaíba, que se juntou à operação e ajudou a localizar e deter o suspeito.

Após a prisão, o homem, de 38 anos, fez uma confissão chocante. Ele admitiu ter cometido um homicídio em São José do Rio Preto (SP) no último domingo, imediatamente após um desentendimento com um torcedor do São Paulo, ocorrido durante a final da Copa do Brasil naquele dia. Além disso, os policiais descobriram que havia um mandado de prisão temporária expedido em seu nome.

O suspeito foi encaminhado às autoridades da Polícia Civil em Paranaíba, enquanto a Polícia Civil de São Paulo foi informada sobre a prisão e planeja buscar o indivíduo para dar seguimento às investigações. Este incidente, ocorrido em meio à final emocionante da Copa do Brasil, serve como um alerta sobre a importância da atuação eficaz das forças de segurança em situações delicadas como essa.

Jornalista, fotógrafo, editor chefe do portal InterativoMS e apaixonado por inovação e política.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.