fbpx

São Luiz deixa passageiros seis horas em beira de rodovia entre Paranaíba e Inocência

São Luiz deixa passageiros seis horas em beira de rodovia entre Paranaíba e Inocência

O transporte intermunicipal entre Paranaíba e Campo Grande vem sofrendo relatos de problema dos usuários, que acusam com frequência a empresa prestadora de serviço São Luiz de não fornecer veículos adequados ao transporte de passageiros. No último caso relatado uma viagem que deveria ter iniciado às 21 horas atrasou até as 23h por conta de falta de veículo em condições de rodagem, e o veículo escolhido para o trajeto quebrou em meio a madrugada e obrigou os passageiros a aguardarem por resgate por cerca de seis horas.

Esse foi o caso relatado pela bacharel em direito Olinézia Moreira da Silva, que fazia o percurso entre Paranaíba e Campo Grande entre a noite de domingo (28) e a manhã de segunda-feira (26), e afirmou ter ficado cerca de seis horas a beira da rodovia MS-240 entre Paranaíba e Inocência após problemas mecânicos no ônibus que fazia o trajeto.

De acordo com a bacharel, cerca de 20 pessoas estavam no carro quando o veículo parou em meio a pista por volta de 03H da madrugada de segunda-feira e não mais teve condições de seguir viagem, ainda conforme a passageira por cerca de 20 minutos o condutor teria tentado seguir viagem, porém em seguida avisou os passageiros que tentaria contato com a empresa para o resgate.

Olínézia afirma ainda que o primeiro contato que conseguiram em busca de resgate aconteceu ao amanhecer do dia quando um caminhão que fazia o trecho sentido a Inocência parou, e ficou de avisar a empresa para que outro ônibus fosse enviado.

Passageiros com pouca bagagem então começaram a pegar carona com carros que passavam pela rodovia para que pudessem logo chegar ao destino de viagem.

A passageira afirma que só conseguiu ser resgata por volta das 11H da manhã após seu namorado ir ao guichê da empresa na rodoviária de Paranaíba e ser informado que o carro estaria quebrado e não havia horário previsto para o resgate. Sete passageiros e o motorista ainda ficaram no local a espera de ajuda.

“O Alcir foi então e me buscou, chegou lá e falou: Olha pelo que consta não tem horário de socorro por que o carro vem de Três Lagoas, e não tem previsão, e nesse instante tinha uma senhora comigo, com uma criança de colo eu a trouxe até Paranaíba” afirmou a bacharel.

A mulher afirma que o sentimento que fica é de indignação pois esse não é o primeiro relato de casos como esse na mesma linha, e que os passageiros ficam à mercê da empresa que mantém o monopólio no transporte para a capital do estado.

“O sentimento que fica é até um pouco de revolta, por que a passagem é até um pouco cara, a São Luiz é a única que faz esse percurso, ela não tem prejuízo, a gente não entende por que os carros são sucateados, só chega atrasado, e não é a primeira vez que ocorre esse tipo de problema na via, então a gente vê como um descaso, mesmo da empresa, ai muitos até fala é só os consumidores não utilizar a empresa, só que eu quero deixar claro aqui, Campo Grande Paranaíba e Paranaíba Campo Grande a única empresa que oferece é a São Luiz, ela sabe disso e por isso que ela deixa a desejar, na prestação de serviço”, concluiu Olinézia.

Nossa equipe entrou em contato com a sede empresa via telefone, porém a responsável não foi encontrada, e não houve retorno da São Luiz até o fechamento desta matéria. 


 

Pablo Nogueira

Pablo Nogueira

Jornalista, fotógrafo, editor chefe do portal InterativoMS e apaixonado por inovação e política.

Um comentário em “São Luiz deixa passageiros seis horas em beira de rodovia entre Paranaíba e Inocência

  1. Como sempre! No dia 23/12/17 todos nos passageiros da São Luiz, em um onibus fretado da Itamarati, ficamos parados na rodovia entre Água Clara e Inocência das 23 horas, até as 9 da manhã do dia 24/12/17 por um problema mecânico no ônibus. A São Luiz enviou um ônibus que saiu da cidade de Três Lagoas para nos resgatar, mas nem conseguimos sair da rodovia, pq o ônibus estragou ali mesmo. Nossa sorte foi que o motorista arrumou carona ate Água Clara, e conseguiu levar o mecânico ate o ônibus quebrado.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: