fbpx

Pai e madrasta são presos em flagrante por morte de bebê de 1 anos e seis meses

Pai e madrasta são presos em flagrante por morte de bebê de 1 anos e seis meses

Pai e madrasta foram presos pela morte do bebê de 1 anos encontrado com sinais de violência na manhã desta quinta-feira (16) em Dourados, cidade a 220 quilômetros de Campo Grande. O pai de 24 anos e a madrasta de 21 responderão por maus-tratos, com qualificação pela morte. O caso ocorreu na residência do casal na na Vila Industrial.

O delegado da segunda delegacia de Dourados, Marcelo Batistela Damasceno, disse ao site Dourados News que os pais contaram que os hematomas apareceram devido a tentativa de reanimar a criança.

“Estamos investigando ainda a participação de outras pessoas. Eles (pai e madrasta) alegaram morte natural, mas o laudo negou essas alegações”, disse ao site Dourados News.
O laudo apontou que as causas da morte foram choque hemorrágico, laceração hepática e trauma torácico abdominal, o que reforça a tese de espancamento apontada pelos investigadores.

O pai teria saído para trabalhar e deixou a criança com a madrasta. A criança estaria em um colchão com a irmã quando começou a passar mal. Familiares perceberam a situação e viu que o menino estava engasgando.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, porém os socorristas chegaram, o bebê já estava morto.


 

Por MidiaMax – Foto: Sidnei Bronka
Pablo Nogueira

Pablo Nogueira

Jornalista, fotógrafo, editor chefe do portal InterativoMS e apaixonado por inovação e política.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: