Médica recusa assinar termo de isolamento domiciliar ofende profissionais e vira caso de Polícia em Paranaíba

Médica recusa assinar termo de isolamento domiciliar ofende profissionais e vira caso de Polícia em Paranaíba

Uma médica de 34 anos causou problemas para agentes da vigilância sanitária e a Polícia Civil em Paranaíba por se recusar a assinar um termo de reconhecimento de isolamento domiciliar devido a Covid-19.  A profissional atua em duas unidades hospitalares da cidade e teria ofendidos os agentes de fiscalização da vigilância e policiais, o caso aconteceu por volta das 11h15 desta quinta-feira (15).

O registro policial afirma que a médica e quatro familiares foram isolados após confirmação de casos positivos de familiares que residem junto profissional de saúde, porém ao receberem o termo de confirmação de isolamento domiciliar a mulher teria ofendido os profissionais responsáveis pelo monitoramento, que saíram do local e informaram as unidades hospitalares da recusa da médica.

Os profissionais da vigilância voltaram a residência com o auxílio de uma unidade da Polícia Civil, onde foram informados do motivo do isolamento. A médica terá assinado o termo de isolamento e voltado a ofender os profissionais.

Pablo Nogueira

Pablo Nogueira

Jornalista, fotógrafo, editor chefe do portal InterativoMS e apaixonado por inovação e política.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: