Detran Digital: Novo serviço dispensa reconhecimento de firma para compra e venda de veículos

Detran Digital: Novo serviço dispensa reconhecimento de firma para compra e venda de veículos

A venda digital de veículos já é real e estará disponível em Mato Grosso do Sul pelo aplicativo CDT (Carteira Digital de Trânsito) a partir desta quinta-feira (24), para transações de compra e venda de veículos entre pessoas físicas. O evento oficial de lançamento acontece na próxima quinta-feira no Ministério da Infraestrutura.

A nova funcionalidade dispensa o reconhecimento de firma presencial, permite a assinatura digital da ATPV-e (Autorização para Transferência de Propriedade de Veículos) pelo vendedor e comprador e possibilita a comunicação automática da venda por meio do CDT, após a autorização do Detran de registro do veículo.

“Mais uma vez o Detran-MS sai na frente de outros estados e adere a ferramentas que simplificam serviços, desburocratizando a vida do cidadão, acabando com a necessidade do deslocamento até um cartório para finalizar a venda com o reconhecimento de firma”, pontua a diretora de Controle e Registro de veículos do Detran-MS, Vírginia Manetti.

O novo serviço será possível para veículos com documentação emitida a partir de 4 de janeiro de 2021, data em que o antigo Documento Único de Transferência (DUT) foi substituído pela versão digital, a ATPV-e.

Para que a venda digital seja efetivada, o vendedor e o comprador devem possuir conta ouro ou prata no cadastro do Governo Federal (gov.br).

Para o diretor-presidente do Detran/MS, Rudel Trindade, esse é mais um passo dado no projeto de digitalização dos serviços do Detran. “Estamos vivendo um momento ímpar para todos aqueles que utilizam os nossos serviços, primeiro porque estamos, de fato, dando maior celeridade aos processos, segundo pelo conforto, agilidade e segurança que o sul-mato-grossense tem encontrado ao procurar um serviço do Detran. Essa é nossa preocupação e é o legado que queremos deixar para o Estado: modernidade e inovação”, enfatizou Rudel.

Fonte: Detran-MS

Da redacao

Da redacao

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: