fbpx

Comerciante é detida por racismo

Comerciante é detida por racismo

Uma comerciante foi presa em flagrante nesta terça-feira (15) em Campo Grande. A mulher de 50 anos foi encaminhada para a delegacia depois de ofender um homem com termo racista. 

A vítima, Joaquim Azevedo Dagnone, de 42 anos, foi fazer uma entrega na Avenida Coronel Antonino, para a comerciante. De acordo com o Delegado da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Centro, André Luis, a vítima acabou obstruindo a saída do estacionamento do comércio, ao descarregar a mercadoria, iniciando então uma discussão. 

A vítima recolheu o material para levar ao interior da loja quando foi impedido pela proprietária do estabelecimento e ofendido com termo racista. O caso passou a correr em segredo de justiça.

Segundo a advogada de Joaquim, Odete Cardoso, a vítima não revidou a violência e acionou a Polícia Civil, que tomou conhecimento do ocorrido e encaminhou a comerciante para a Depac centro. 

Ainda segundo o delegado, nem todas as testemunhas foram ouvidas, mas que já houve confirmação do relato da vítima. 

Fonte: Correio do Estado


Pablo Nogueira

Pablo Nogueira

Jornalista, fotógrafo, editor chefe do portal InterativoMS e apaixonado por inovação e política.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: