Boa Tarde, seja bem-vindo ao nosso portal

Paranaíba - MS,

Em sessão agitada vereadores de Paranaíba cobram segurança, melhorias na educação e limpeza do município

Projeto de parcelamento de dívida do município foi recusado devido falta de valores devidos a previdência municipal.

Última Atualização: 14/3/2017 10:55:18



Pablo Nogueira 



A sessão da Câmara de Vereadores desta semana, teve como pauta principal elogios aos profissionais que participaram durante a semana passada dos atendimentos da “Carreta da Saúde”, que esteve no município em comemoração ao da internacional da mulher. Além do reconhecimento por partes dos legisladores dos municipais, também foram abordados temas como a reforma da previdência, emendas federais, plano de cargos e carreira aos servidores do município, segurança e educação e a limpeza do município. 







O primeiro a usar a tribuna foi o vereador Moreth, que destacou os atendimentos da “Carreta da Saúde”, e cobrou uma melhor divulgação do funcionamento da área azul, pois muitas pessoas ainda não se adaptaram ao funcionamento do estacionamento rotativo. O vereador cobrou mais uma vez um a restruturação do plano de cargos e carreira dos servidores municipais, já que os benefícios aos trabalhadores devem ser pautados por merecimento e não por política afirmou Moreth. 








Dólar Pires em seu discurso destacou a importância de ampliar os atendimentos da “Carreta da Saúde”, levando o atendimento a área rural e parabenizou o Clube da Terceira Idade pela festa de aniversário realizada no fim de semana, e enfatizou a importância social da reativação da Banda Musical Dr. Claudia Robalinho, levando ensino musical a jovens e crianças. 








Vereador Adriano Caçula destacou a continuidade do trabalho com a “Carreta da Saúde” que teve início na gestão passada, e cobrou a necessidade de duas vans para levar pacientes para Barretos e São José do Rio Preto, segundo Caçula apenas um veículo tem penalizado os pacientes, que ficam aguardando por horas após os atendimentos médicos.  Adriano destacou a busca por ementas com o senador Pedro Chaves que prometeu liberar 300 mil para a saúde, e a possível liberação de R$ 100 mil conseguidos com o deputado federal Vander Loubet. Porém o ponto forte do discurso do vereador constituiu sobre a reforma da previdência, que segundo Adriano irá penalizar de forma trágica a população, Caçula encampou a ideia de união de todos contra o que disse ser o fim da aposentadoria para a população carente. 









A questão de segurança foi o ponto inicial de Jalmir Modesto que cobrou do Executivo que se atente a necessidade de um vigia no “Espelho D’Água, já que a população tem ficado desguarnecida no local que é um dos pontos turísticos do município. O vereador cobrou ainda redutores de velocidade na avenida Durval Rodrigues Lopes, que segundo Modesto, tem mais parecido uma pista de corrida. Vereador cobrou também a instalação do canteiro central na avenida Dos Ipês, e a busca junto ao senador Moka, da duplicação da BR 158, que tem registrado acidente toda semana. 









Já o vereador Pedrinho cobrou a necessidade de adequação do local especifico para o treinamento de aulas de motos para tirar habilitação, ou no mínimo o recapeamento de onde são feitas as aulas atualmente, segundo o vereador já foram registrados casos de alunos reprovados devido as más condições do local. O vereador destacou também a necessidade de levar a “Carreta da Saúde” aos distritos e buscar uma parceria com as empresas do parque industrial para que os funcionários possam ser atendidos. 






Andrew Robalinho destacou em sua fala os atendimentos da “Carreta da Saúde” e parceria com o Governo do Estado para recuperação de estradas vicinais, porém o ponto forte do discurso esteve pautado na reforma da previdência, que segundo o vereador, será um enorme mal a população, que será penalizada pelos desmandos do Governo Federal, “ A população não pode mais pagar pelos erros do governo”, afirmou Robalinho. Ainda em seu discurso Andrew antecipou que está preparando dados para demonstrar a casa e que pautarão uma carta de repudio a forma como está sendo conduzida a reforma. O vereador também citou a importância do senador Pedro Chaves que é presidente da Comissão de Educação do Senado, para a realização do sonho de Medicina Veterinária no município e cobrou a instalação de faixas elevadas em frente as unidades educacionais do município. 






A vereadora Sarita Salientou a necessidade de expandir o atendimento realizado pela “Carreta da Saúde”, e citou a indicação que fez junto ao vereador Pedrinho, para que os distritos recebam também os benefícios e a necessidade de buscar formas de atender a quem trabalha no parque industrial, A vereadora lembrou de um acidente ocorrido a alguns dias e citou também o cuidado no trânsito. “ Temos que ter cuidado nas ruas, muitas pessoas andam em velocidades muito altas, não adianta só sinalização se as pessoas não tiverem cuidado quando estão de moto ou carro”, disse Sarita. 






Paulo Henrique afirmou em sua fala ter ficado animado com a situação da cana-de-açúcar, após reunião junto a Canapar, e que participará de três dias de conversa junto ao governador para agilizar a implantação de uma indústria de beneficiamento de amendoim no município. 






Já o presidente da Casa, que encerrou os pronunciamentos, fez duras críticas aos prefeito, cobrando a que a prefeitura dê o exemplo na limpeza dos bairros, pois o a cerca de um mês os moradores vem cobrando que se limpe as ruas na proximidades da Fipar, o vereado destacou que está envergonhado em não poder visitar amigos na região pois já pediu ao prefeito e ao secretário de obras que realize o trabalho, porém nada foi feito, Nelo destacou que não adianta a prefeitura cobrar multa da população se o Executivo Municipal não dá o exemplo. O presidente proclamou o prefeito a resolver a questão de não poder ligar os aparelhos de ar condicionados na escola Ignácio José da silva, por falta de estrutura da rede de energia. Segundo o vereador, não adianta ter o equipamento em todas as salas e não utilizar.  






Após os pronunciamentos, foi aprovado o uma moção de aplauso ao jovem que ajudou no socorro de uma mulher que sofreu um acidente e veio a cair no córrego fazendinha, e o título de cidadã paranaibense a juíza Nária Cassiana Silva Barros. A única objeção realizada na noite, foi quanto ao projeto de parcelamento da dívida do município com o Previm, o presidente da Casa de Leis devolvei o pedido para a prefeitura, já que não haviam dados suficientes para que o projeto fosse apreciado pela casa, segundo Nelo o fato mais importante que é o valor da diva não foi justificado, constando apenas o total de meses a ser feito o parcelamento.  Também foi aprovado a pedido do vereador PH o requerimento, em que pede que o prefeito demonstre aos vereadores a atual situação financeira do município. 



Últimas notícias


Mãe e filha morrem carbonizadas em acidente na BR 158 em Paranaíba
Esqueceu o trabalho?? Prefeitura de Paranaíba recupera apenas um lado de avenida e deixa outro
Suspeito de mandar matar ex-namorada em Paranaíba é capturado no interior de Minas Gerais



Compartilhar